Saiba o que é e tudo sobre: Filtro de ar do motor | Prema Car

Saiba o que é e tudo sobre: Filtro de ar do motor

Você sabe o que é ou para que serve o filtro de ar do motor do seu carro? Primeiramente, seu objetivo é garantir que a queima da mistura ar/combustível seja realizada da melhor maneira possível, ele assegura isso filtrando o ar que entra pelo coletor de admissão, assim o ar chega na câmara de combustão limpo. Para realizar essa função, o filtro pode ter diversos formatos diferentes e cada um se adéqua melhor a um tipo de motor, isso pode se conferido no manual do proprietário.

O filtro funciona separando e absorvendo as impurezas suspenças no ar. De maneira que as particulas mais pesadas vão para o fundo da estrutura, enquanto as mais leves ficam no elemento filtrante, que é composta por um papel especial que retêm os contaminantes. Assim, é um item importante para o funcionamento correto do motor e do carro e que precisa ser verificado e trocado constantemente.

A troca dele depende muito mais das condições de rodagem do veículo do que da quilometragem desde a última substituição. Além disso, a qualidade do produto também é de grande influência, uma vez que, caso não tenha uma proteção anti-chamas, o filtro pode não atuar da maneira correta prejudicando o motor quando haver particulas em altas temperaturas no ar. Ou ainda, caso o papel não tenha uma proteção contra umidade adequada, ele pode acabar se deformando e deteriorando, permitindo que particulas indesejadas acabem no motor ou pior, que partes do filtro sejam aspiradas.

É preciso tomar cuidado e ficar atento, pois, as oficinas ainda costumam usar um jato de ar comprimido para a “limpeza” do filtro, dizendo que assim aumenta a durabilidade e a vida útil dele. No entanto ao fazer isso, o filtro acaba sendo prejudicado, uma vez que, o jato pode acabar danificando o papel, prejudicando sua capacidade de impermeabilidade e capacidade de retenção de partículas indesejadas. Assim, causando o efeito contrário do desejado, diminuindo a eficiência e prejudicando a durabilidade do filtro.

O filtro apesar de ser uma peça importante é simples e barata, logo não há motivos para se adiar suas trocas. Para saber quando está na hora da substituição só precisa ficar atento em alguns sinais, como aumento do consumo de combustível, perda de potência nas retomadas de velocidade ou falhas na marcha-lenta. Leia o que diz o fabricante sobre o período de troca (geralmente em torno dos 10 mil quilômetros rodados), mas as condições de rodagens são indicadores mais precisos, exemplo: rodagem em estradas de terra gastam muito mais a peça do que em ruas urbanas. Além disso, uma checagem visual também é muito eficiênte, caso esteja com muita poeira acumulada e/ou escurecido, está na hora da troca.

Right Menu Icon